Inchaço nas pernas: olhar para baixo é preciso!


Inchaço nas pernas: olhar para baixo é preciso!

1 de abril de 2021

CAUSAS DO INCHAÇO NAS PERNAS ¹

A primeira coisa que pensamos ao sentir dor nas pernas, é: “tive um dia muito pesado hoje”. E sim, ficar muito tempo em pé pode agravar qualquer quadro de dor ou inchaço nas pernas. Mas jamais podemos tapar os olhos ou deixar de encontrar as raízes do problema em um consultório médico.

Segundo Dr. Marcelo Bellini Dalio (CRM SP 104721), o inchaço nas pernas pode ocorrer por muitos motivos. Também conhecido como edema, este problema está relacionado diretamente aos problemas de circulação. Quando as válvulas presentes nas veias apresentam problemas, pode-se perceber um refluxo do sangue, também conhecido como insuficiência venosa.
Por não conseguir circular, o sangue fica preso nas pernas e tal acúmulo leva ao inchaço. Além desta deficiência na circulação, o inchaço nas pernas pode ser consequência de problemas nos rins, no fígado, coração, pâncreas (alô, diabetes) ou, até mesmo, excesso de medicações.

Por isso precisamos sempre reforçar a importância do acompanhamento de um médico, pois somente assim é possível descobrir a verdadeira causa do inchaço e, consequentemente, encontrar um bom tratamento.

 

O QUE PODE PROVOCAR MÁ CIRCULAÇÃO? ²

Além do fator genético, as nossas veias podem desenvolver problemas ao longo dos anos. Traumatismos, lesões, trombose, varizes e obesidade são responsáveis muito comuns pelo mal funcionamento da circulação sanguínea e, consequentemente, de grande parte dos inchaços nas pernas.

 

COMO TRATAR³

O primeiro passo é: encontrar a raiz do problema. E isso só é possível com o acompanhamento e avaliação de um médico. Após ida ao consultório médico, você pode ter alguns cuidados em casa que lhe ajudarão na melhora das pernas inchadas.

Você pode prevenir o avanço do inchaço praticando atividades físicas, independente de quais forem elas. Movimentar as pernas é preciso!
Uma dica para quem trabalha muito tempo sentado: aproveite para caminhar na hora do almoço. E, para quem trabalha muito tempo em pé, lembre sempre de flexionar os joelhos e tornozelos ao levantar.

 

E para você que já sofre com o inchaço nas pernas, ficam algumas dicas:

  • Invista em uma alimentação balanceada, introduzindo chás, infusões e sucos com nutrientes e propriedades diuréticas e anti-inflamatórias. Este tópico é básico e fundamental, porque contribui para a eliminação dos líquidos e diminui a sensação e desconforto proporcionado pelo inchaço nas pernas. Suco de abacaxi e chá de gengibre são ótimas opções para adotar na rotina;
  • Já que estamos falando de alimentação, é indispensável deixar de lembrar: diminua o consumo de sal! O sal contém muito sódio, e isso faz com que a água seja retida;
  • Beba muita água para evitar a retenção de líquidos e garantir a hidratação. O recomendado é beber de, pelo menos, 8 a 10 copos de água por dia;
  • Reserve um tempo do seu dia para colocar as pernas para o alto. Uma forma de fazer isso, é colocando as pernas na cabeceira da cama ou em almofadas. Bom que descansa a mente também, né?
  • Faça uma poderosa massagem diariamente. Além de ajudar a diminuir o inchaço das pernas, estimula a circulação sanguínea e, consequentemente, movimenta e elimina os líquidos retidos nas pernas. E sabe como fazer uma massagem ideal?

 

Escolha um creme como o Cedraflon™, que combate diariamente o ressecamento da pele e auxilia na prevenção e evolução das complicações da pele seca. Além disso, o Cedraflon™ proporciona um alívio diário para pernas cansadas e pesadas, com: refrescância imediata, hidratação intensa e prolongada, com rápida absorção. 4

E sabe a melhor técnica? Aplique o creme e massageie com um movimento longo, desde o tornozelo até a coxa. Repita esse movimento, colocando uma leve pressão sobre a área a ser massageada. Não deixe de alternar os movimentos da massagem entre as partes da frente e atrás de suas pernas.

 

*Vale lembrar que Cedraflon™ não é um medicamento. Portanto, se os sintomas de pernas cansadas persistirem, procure a ajuda de um médico. 4

 

Mais do que nunca, deu pra entender a importância de começar a olhar por onde anda e com o quem anda, né? Esperamos muito que sim!

E agora nós queremos saber: de que maneira você costuma cuidar das suas pernas?
Esse conteúdo não constitui recomendação terapêutica. Consulte seu Médico regularmente.

 

Referências:
¹ POR QUE MINHAS PERNAS INCHAM? – SITE DO DR. MARCELO BDALIO: https://www.drmarcelobdalio.com.br/para-sua-saude/por-que-minhas-pernas-incham (Acessado em 26/02/2021)
² CAUSAS DAS PERNAS INCHADAS – SITE TUA SAÚDE: https://www.tuasaude.com/quais-sao-as-causas-das-pernas-inchadas/ (Acessado em 26/02/2021)
³ TRATAMENTO PARA O INCHAÇO NAS PERNAS – SITE TUA SAÚDE https://www.tuasaude.com/remedio-caseiro-para-pernas-inchadas/ (Acessado em 26/02/2021)
4 Embalagem do Produto – Cedraflon

Últimas Publicações

SOS PERNAS: Motivos para usar Cedraflon

Cuidados com as pernas